As 5 lições de Jim Collins, tido por muitos como o sucessor de Peter Drucker

Ter o reconhecimento mundial da comunidade do Management e da Administração não é tarefa das mais fáceis. Imagina, então, ser considerado por muitos o sucessor do grande maestro da Administração contemporânea. Jim Collins foi o “cara” que alcançou esse status e hoje é um dos mais respeitados pensadores do mundo management da atualidade, tido por muitos como o herdeiro de Peter Drucker.

Suas ideias e ideais já pararam em 3,5 milhões de livros vendidos em 29 idiomas diferentes. Em palestra no HSM ExpoManagement de 2010, Jim Collins revelou algumas lições de bons modelos de Administração e cases de grandes empresas duradouras que conseguiram um desempenho superior ao longo do tempo. Veja as cinco grandes lições de Collins.

Lição 1 – Cuidado com o declínio

Jim Collins destaca que as grandes responsáveis pelo declínio de uma organização são as próprias empresas. “Algumas empresas caem ou sobem e isso não é questão das circunstâncias, é questão da escolha consciente e disciplina”, afirma.

Collins destaca que existem cinco estágios do declínio e que é preciso ficar atento a eles:

– Estágio 1: O excesso de confiança proveniente do sucesso
– Estágio 2: A busca indisciplinada por mais (escala, crescimento, “aplausos”…)
– Estágio 3: A negação dos riscos e perigos
– Estágio 4: A luta desesperada pela salvação
– Estágio 5: A entrega à irrelevância ou à morte

Lição 2 – Seja um “líder nível 5″

Um dos elementos que fazem com que uma empresa deixe de ser boa para ser excelente é a liderança. Para Collins, essa liderança deve ser baseada em tomadas de decisões corajosas, buscar fazer o melhor possível e, principalmente, ter humildade. “O ingrediente mágico entre os grandes CEOs não está em sua genialidade ou competência, mas em sua humildade e boa-vontade”, explica.

Jim Collins afirma que essas pessoas são consideradas os “líderes nível 5″ e possuem as qualidades dos níveis anteriores. Nível 1: reúne as capacidades individuais. Nível 2: as de equipe. Nível 3: as de administração. Nível 4: reúne habilidades de liderança: capacidade de comandar, dar direção, mobilizar e transformar um grupo.

Lição 3 – Não fique arrogante com o sucesso

A queda das empresas, muitas vezes, está na continuidade do modelo de gestão. Muitas empresas quando chegam ao sucesso mantêm o formato que lhes deu bons resultados e se acomodam, ou seja, não buscam inovar ou trazer algo diferente que agregue à empresa. “É preciso manter a empolgação, a auto-estima, criatividade e intensidade, mesmo quando tiver sucesso. Se as pessoas perdem isso, há possibilidade de declínio”, afirma Collins.

De acordo com Collins, foi assim que a Johnson & Johnson e a Page conseguiram se manter em mais de 100 anos de mercado.

Lição 4 – Não desmotive seus funcionários

Jim Collins explica que é comum ouvir que é preciso motivar os funcionários da empresa. Mas, através de pesquisas em diversas organizações pelo mundo, ele constatou que as características dos funcionários contratados recentemente já indicam um grau de motivação natural nesses profissionais.

Collins afirma, então, que a questão central não está na motivação desses funcionários, mas em não desmotivá-los. O guru diz que isso é possível quando a empresa está aberta a novas sugestões, encara outros projetos e dá as ferramentas necessárias para o andamento do trabalho.

Lição 5 – Escolha as pessoas certas

“A habilidade executiva número um é escolher as pessoas certas e colocá-las nas posições certas”, afirma Collins. Ele destaca que ter uma equipe comprometida com a empresa e ocupando os cargos ideais aumentam drasticamente as chances de o empreendimento dar certo.

Collins indica que existem algumas características para saber se a empresa contratou o profissional certo. Entre elas estão:

– pessoas certas se encaixam nos valores da corporação;

– pessoas certas não precisam ser gerenciadas de perto;

– pessoas certas compreendem que não tem emprego, mas sim responsabilidade;

– Elas fazem 100% do que realmente se propõe a fazer;

– Elas têm uma enorme paixão pela empresa e pelo trabalho que exercem.

Jim Collins

É um dos mais respeitado pensador do mundo de management da atualidade e considerado o sucessor de Peter Drucker. Jim Collins escreveu quatro livros – incluindo o clássico Built to Last, que registra 3,5 milhões de cópias vendidas em 29 idiomas e até hoje figura em listas de best-sellers.

Fonte: Administradores

14 coisas que todas as pessoas bem-sucedidas têm em comum

 

Autor de livros sobre como ter uma carreira de sucesso e fundador de uma empresa de pesquisa e consultoria para a geração Y, Dan Schawbel é um dos colaboradores da revista “Forbes”. Como colunista, já entrevistou diversas personalidades de sucesso. Desde 2007, foram mais de 1.200 CEOs, celebridades, escritores, políticos e até mesmo um astronauta. Ao falar com essas pessoas, Schawbel percebeu que todas elas têm traços comuns que os levaram ao sucesso. Abaixo, seguem os 14 pontos que o escritor compilou e que mostram o que eles têm em comum, características que todos nós podemos desenvolver.

1. Eles sabem quando ficar e quando ir embora

As pessoas de sucesso sabem exatamente quando devem mudar de emprego, abrir uma empresa ou desistir de sua empresa. Eles têm boa intuição e não têm medo de fazer escolhas difíceis, apesar de forças contrárias.

2. Eles fazem mais do que se exige deles

Eles veem as suas descrições de cargo como apenas o começo do que eles podem fazer com o seu emprego. Depois de terem completado as suas tarefas obrigatórias, eles sempre pedem para assumir projetos que se mostrem desafiadores. Eles estão mesmo dispostos a assumir o trabalho tedioso que ninguém mais quer fazer, a fim de beneficiar toda a equipe.

3. Eles estão dispostos a falhar para ter sucesso

Todas as pessoas bem-sucedidas sabem que nada vem de graça e eles estão fadados a falhar mais do que irão obter sucesso em qualquer coisa. Eles estão dispostos a aprender com cada falha, uma vez que irá ajudá-los a tomar melhores decisões que levarão ao sucesso mais tarde. Enquanto muitas pessoas desistem depois de ter falhado em alguma coisa, uma pessoa bem-sucedida irá perseverar.

4. Eles sabem que fazem a sua própria sorte

Sorte é derivada do trabalho duro ao longo do tempo e de se posicionar para o sucesso. As pessoas bem-sucedidas sabem disso. Elas fazem pelo menos uma coisa todos os dias para se colocar em uma posição melhor para ter sorte e depois usar essa sorte para crescer.

5. Eles definem metas reais que podem realizar

As pessoas de sucesso acordam e já têm o seu dia planejado, enquanto as pessoas mal sucedidas estão lutando para descobrir o que precisam fazer em seguida. Seus objetivos são muito focados, grandes, ainda que alcançáveis, e estão alinhados com os seus pontos fortes. Eles sabem o que são capazes de fazer e vão investir todos os seus esforços nisto, evitando suas fraquezas.

6. Eles tomam responsabilidade por si mesmo e por suas ações

Eles não contam com outras pessoas para concluir algum trabalho. Em vez disso, eles estão olhando para dentro e estão tentando encontrar as soluções, ao mesmo tempo que alavancam seus ativos atuais. Se cometem um erro, eles se responsabilizam por isso e imediatamente pensam em maneiras que podem melhorar no futuro, não cometendo o mesmo erro duas vezes.

7. Eles fazem as mudanças, ao invés de serem afetados por ela

As pessoas de sucesso não estão esperando para serem afetadas por tendências econômicas. Elas são aquelas que estão criando as tendências e fazendo as coisas acontecerem.

8. Eles são capazes de se adaptar às mudanças no mercado

As pessoas de sucesso estão dispostas a se reinventar para permanecerem relevantes no mundo dos negócios. Eles entendem que se você ficar estagnado e ignorar as tendências, é você que vai ficar para trás. Eles estão constantemente tendo novas ideias, procurando a próxima grande coisa e desenvolvendo novas habilidades.

9. Eles podem comunicar a sua história de forma eficaz

Se você chegar até uma pessoa bem sucedida e lhe perguntar o que ela faz, ela será capaz de lhe dizer tudo de uma forma concisa. Eles sabem quem são, o que fazem e podem fazer você acreditar neles. Eles têm uma postura forte e são muito persuasivos e confiantes.

10. Eles fazem as perguntas certas para as pessoas que podem fornecer as respostas certas

As pessoas de sucesso sabem que precisam resolver problemas usando seu network. Eles não têm medo de mandar um e-mail ou ligar para a melhor pessoa que pode responder às suas perguntas. Eles estão sempre preparados com as perguntas certas e estão sempre dispostos a ajudar a outra pessoa em troca.

11. Eles são aprendizes de uma vida toda, que se empurram para fora de suas zonas de conforto

Enquanto a maioria das pessoas pensam que quando se formarem faculdade, não serão mais estudantes, as pessoas bem-sucedidas permanecem alunos. Eles estão constantemente aprendendo coisas novas e tendo novas experiências. Eles não têm medo de experimentar novas atividades e falhar nelas.

12. Eles sabem quem são e o seu lugar no mundo

As pessoas de sucesso estão confiantes e podem liderar a si mesmos, bem como a outros. Eles têm sua própria visão e missão e buscam para trazê-la à sua vida diariamente. Eles também sabem quem eles não são e não perdem tempo com coisas nas quais não são bons em ou que não os satisfazem.

13. Eles são mais animados com a jornada do que com a recompensa

As pessoas de sucesso ignoram esquemas para ficar rico rápido. Elas estão mais focados na construção de carreiras sustentáveis através de muito trabalho, tomada de risco e criatividade. Elas aproveitam o caminho, apesar dos obstáculos, porque estão fazendo algo que tem significado em suas vidas.

14. Eles criam em vez de apenas consumir

Enquanto a maioria das pessoas estão ocupadas lendo e-mails, assistindo TV ou ouvindo um podcast, as pessoas de sucesso estão criando novas ferramentas e tendo ideias. Eles são os únicos que estão fazendo coisas que as outras pessoas precisam, em vez de estar do outro lado do espectro, as consumindo.

Fonte: Hypescience

Máteria: A Primeira impressão é a que fica

Serviços de consultoria de imagem cresce e conquista clientela fiel

Sopa de Ideias

Os sócios Luiz Fernando Costa de Sousa, Diego de Almeida Campos, Thiago Menino dos Santos criaram a Sopa de Ideias que oferece serviços de criação de website e divulgação on-line.

A Sopa de Ideias foi fundada em 2010, na capital paulista, por Diego de Almeida Campos, Thiago Menino dos Santos e Luiz Fernando Costa de Sousa, a partir de um insight de Diego e Thiago, que detectaram uma onda crescente na demanda por desenvolvimento de website e divulgação on-line. “Ouvíamos reclamações constantes sobre o atendimento de agências e percebemos aí uma oportunidade de nos diferenciar no mercado. Essa filosofia de investir na excelência do atendimento assegura até hoje um alto índice de fidelidade dos clientes à agência”, afirma Diego de Almeida Campos.

A Sopa de Ideias trabalha com um método de comunicação 360º – a comunicação integrada. Os sócios perceberam nas empresas a necessidade de centralização de todo planejamento e desenvolvimento da comunicação com um só fornecedor e se agarraram a esse modelo. “Hoje, percorremos com o cliente todo o processo de comunicação, desde o planejamento das ações de marketing até a entrega e medição de resultados”, detalha Campos.

A agência possui uma equipe forte na área digital e também é aproveitada para off-line. Com um time de 10 pessoas, o negócio está em franco crescimento, buscando novos profissionais e desafios. “No último ano, tivemos um crescimento de 500%, conquistamos seis novas contas e estamos aprendendo muito com novos mercados. A expectativa dos cliente sem geral não está muito boa quanto as vendas para 2014, isso tem refletido de forma positiva para n´s, pois eles têm enxergado a necessidade de investir em sua comunicação para se destacar”, informa o empreendedor.

Segundo Campos, os sócios não veem outras agências como concorrentes. O trio enxerga um grande potencial em compartilhar conhecimentos e até mesmo trabalhos que podem ser complementados por outras pessoas. ” O mercado é muito grande, assim como a demanda. Quem faz um bom trabalho e possui um bom atendimento, se dá bem”, assegura o empresário.

A publicidade é um mercado com áreas diferentes de atuação, que está precisando muito de bons profissionais. Para quem quer empreender, Campos afirma que é preciso estar sempre atendo às crescentes mudanças do setor. É preciso se adaptar aos diferentes públicos de diferentes clientes, e passar essas nuances à equipe de criação de forma clara, sem gerar ruído. Além disso, deve-se tomar um grande cuidado par não cair na mesmice e saber gerenciar o tempo de forma a aproveitar as horas livres para aprender mais.

Fonte: Revista impressa “Meu próprio negócio – edição 130 – pag86.”

14 coisas que todas as pessoas bem-sucedidas têm em comum

Autor de livros sobre como ter uma carreira de sucesso e fundador de uma empresa de pesquisa e consultoria para a geração Y, Dan Schawbel é um dos colaboradores da revista “Forbes”. Como colunista, já entrevistou diversas personalidades de sucesso. Desde 2007, foram mais de 1.200 CEOs, celebridades, escritores, políticos e até mesmo um astronauta. Ao falar com essas pessoas, Schawbel percebeu que todas elas têm traços comuns que os levaram ao sucesso. Abaixo, seguem os 14 pontos que o escritor compilou e que mostram o que eles têm em comum, características que todos nós podemos desenvolver.

1. Eles sabem quando ficar e quando ir embora

 

As pessoas de sucesso sabem exatamente quando devem mudar de emprego, abrir uma empresa ou desistir de sua empresa. Eles têm boa intuição e não têm medo de fazer escolhas difíceis, apesar de forças contrárias.

2. Eles fazem mais do que se exige deles

Eles veem as suas descrições de cargo como apenas o começo do que eles podem fazer com o seu emprego. Depois de terem completado as suas tarefas obrigatórias, eles sempre pedem para assumir projetos que se mostrem desafiadores. Eles estão mesmo dispostos a assumir o trabalho tedioso que ninguém mais quer fazer, a fim de beneficiar toda a equipe.

3. Eles estão dispostos a falhar para ter sucesso

Todas as pessoas bem-sucedidas sabem que nada vem de graça e eles estão fadados a falhar mais do que irão obter sucesso em qualquer coisa. Eles estão dispostos a aprender com cada falha, uma vez que irá ajudá-los a tomar melhores decisões que levarão ao sucesso mais tarde. Enquanto muitas pessoas desistem depois de ter falhado em alguma coisa, uma pessoa bem-sucedida irá perseverar.

4. Eles sabem que fazem a sua própria sorte

Sorte é derivada do trabalho duro ao longo do tempo e de se posicionar para o sucesso. As pessoas bem-sucedidas sabem disso. Elas fazem pelo menos uma coisa todos os dias para se colocar em uma posição melhor para ter sorte e depois usar essa sorte para crescer.

5. Eles definem metas reais que podem realizar

As pessoas de sucesso acordam e já têm o seu dia planejado, enquanto as pessoas mal sucedidas estão lutando para descobrir o que precisam fazer em seguida. Seus objetivos são muito focados, grandes, ainda que alcançáveis, e estão alinhados com os seus pontos fortes. Eles sabem o que são capazes de fazer e vão investir todos os seus esforços nisto, evitando suas fraquezas.

6. Eles tomam responsabilidade por si mesmo e por suas ações

Eles não contam com outras pessoas para concluir algum trabalho. Em vez disso, eles estão olhando para dentro e estão tentando encontrar as soluções, ao mesmo tempo que alavancam seus ativos atuais. Se cometem um erro, eles se responsabilizam por isso e imediatamente pensam em maneiras que podem melhorar no futuro, não cometendo o mesmo erro duas vezes.

7. Eles fazem as mudanças, ao invés de serem afetados por ela

As pessoas de sucesso não estão esperando para serem afetadas por tendências econômicas. Elas são aquelas que estão criando as tendências e fazendo as coisas acontecerem.

8. Eles são capazes de se adaptar às mudanças no mercado

As pessoas de sucesso estão dispostas a se reinventar para permanecerem relevantes no mundo dos negócios. Eles entendem que se você ficar estagnado e ignorar as tendências, é você que vai ficar para trás. Eles estão constantemente tendo novas ideias, procurando a próxima grande coisa e desenvolvendo novas habilidades.

9. Eles podem comunicar a sua história de forma eficaz

Se você chegar até uma pessoa bem sucedida e lhe perguntar o que ela faz, ela será capaz de lhe dizer tudo de uma forma concisa. Eles sabem quem são, o que fazem e podem fazer você acreditar neles. Eles têm uma postura forte e são muito persuasivos e confiantes.

10. Eles fazem as perguntas certas para as pessoas que podem fornecer as respostas certas

As pessoas de sucesso sabem que precisam resolver problemas usando seu network. Eles não têm medo de mandar um e-mail ou ligar para a melhor pessoa que pode responder às suas perguntas. Eles estão sempre preparados com as perguntas certas e estão sempre dispostos a ajudar a outra pessoa em troca.

11. Eles são aprendizes de uma vida toda, que se empurram para fora de suas zonas de conforto

Enquanto a maioria das pessoas pensam que quando se formarem faculdade, não serão mais estudantes, as pessoas bem-sucedidas permanecem alunos. Eles estão constantemente aprendendo coisas novas e tendo novas experiências. Eles não têm medo de experimentar novas atividades e falhar nelas.

12. Eles sabem quem são e o seu lugar no mundo

As pessoas de sucesso estão confiantes e podem liderar a si mesmos, bem como a outros. Eles têm sua própria visão e missão e buscam para trazê-la à sua vida diariamente. Eles também sabem quem eles não são e não perdem tempo com coisas nas quais não são bons em ou que não os satisfazem.

13. Eles são mais animados com a jornada do que com a recompensa

As pessoas de sucesso ignoram esquemas para ficar rico rápido. Elas estão mais focados na construção de carreiras sustentáveis através de muito trabalho, tomada de risco e criatividade. Elas aproveitam o caminho, apesar dos obstáculos, porque estão fazendo algo que tem significado em suas vidas.

14. Eles criam em vez de apenas consumir

Enquanto a maioria das pessoas estão ocupadas lendo e-mails, assistindo TV ou ouvindo um podcast, as pessoas de sucesso estão criando novas ferramentas e tendo ideias. Eles são os únicos que estão fazendo coisas que as outras pessoas precisam, em vez de estar do outro lado do espectro, as consumindo.

Fonte: HyperSciene

O que o planejamento estratégico vai trazer para minha empresa?

Com o ambiente atual, diante de tantas mudanças, turbulências, incerteza, com a internet cada vez mais em alta, destaca-se um grande problema a ser resolvido: como fazer a minha empresa crescer, mesmo diante desse cenário? Como transformar as ameaças e os desafios com os quais nos deparamos diariamente em oportunidades para abrir novos caminhos para minha marca?

O que diferencia uma empresa de sucesso de todas as outras?

Com certeza não existem fórmulas mágicas que indiquem o caminho de sucesso para se alcançar os objetivos da sua marca. O que existe é um conjunto de estratégias que, se bem aplicadas, podem gerar resultados bastante satisfatórios para sua empresa. E esse conjunto de estratégias é chamado de planejamento.

Planejamento nada mais é do que saber escrever bem a história da sua empresa. Planejar estrategicamente o futuro de sua empresa. Por sua vez, o futuro de uma empresa será o resultado do que está sendo aplicado agora.

Através do planejamento é possível identificar prospects e planejar estratégias mais eficientes e bem sucedidas para gerar negócios.

Por onde começar?

Primeiramente é necessário definir a personalidade da sua empresa. Quem é a sua empresa na cabeça do consumidor? Qual a identidade da sua empresa? A Personadesua marca? Onde ela quer chegar? Quais suas metas? E você sabe como chegar lá? Para que, desta forma, possam ser estabelecidos os objetivos a serem alcançados, decidir antecipadamente as ações mais eficazes e criar caminhos para chegar a seus objetivos. E é aí que entram as agências de publicidade, para exercer o papel fundamental nesse processo: Usar o planejamento para contar sua história, a fim de orientar os negócios da empresa de modo que alcancem lucro e crescimento satisfatório.

O planejamento tem bases importantes a serem seguidas. A primeira delas é o objetivo. Sem um objetivo, um foco, ninguém sabe onde ir. A segunda é entender o cenário em que a empresa está inserida. É preciso entregar mais para o seu público. É preciso buscá-lo onde ele está. A terceira é identificar a concorrência. No cenário atual, em que a web é cada vez mais o meio de pesquisa para a decisão de compra, os mecanismos de busca, juntamente com o site da empresa, tem sido a principal ferramenta utilizada pelos consumidores no momento da escolha do produto ou serviço que compram. Em outras palavras,se você não estiver lá, com certeza o seu concorrente estará. Quarta: ação! Como tudo aquilo que foi planejado vai funcionar? E por fim – e mais importante – colher resultados.

Entender cada um desses processos e mensurar resultados é o grande lance do sucesso para as empresas: isso é planejamento. Assim, o desenvolvimento de um planejamento estratégico projetará os alicerces para a construção de um futuro de sucesso e prepará-lo para as possíveis mudanças no meio do caminho. Portanto, a importância do planejamento está relacionada diretamente ao futuro que a sua empresa sonha em ter.

E você? Já planejou o seu futuro? Ou vai ficar esperando a concorrência ditar as regras?