Instagram passa a mostrar data e hora das publicações

adnews-178064023514580537954caebe34ead9d5c808fe01ad82db33071c6b9025

O “pessoal de humanas” que não gosta muito do modo como o Instagram marcava o tempo de suas publicações, em semanas, pode comemorar. A partir de agora, a rede social vai passar a mostrar a data e a hora exata em que uma foto foi publicada, dispensando a necessidade de fazer uma conta para saber quando o post foi feito.

Segundo informações do Mashable, que percebeu a alteração, a atualização deve chegar de forma gradativa aos usuários até que atinja toda a base da rede pertencente à companhia de Mark Zuckerberg.

instagram-exact-date-mashable

Outra modificação notada pelo portal é o modo como o aplicativo exibe a barra de volume dos vídeos. Antes, quando o usuário tentava aumentar ou diminuir o som a exibição das imagens ficava comprometida, já que o recurso surgia logo em cima do post. A partir de agora, a barra passa a aparecer no topo da publicação, não dificultando a visualização.

O Instagram ainda não deu nenhuma declaração oficial sobre as novidades.

Via AdNews

“Reactions”: Facebook libera 5 reações ao botão de curtir

1

A partir do dia 24/02, o Facebook começou a liberar as alternativas ao botão de “curtir”, botão que acompanha a rede social de Mark Zuckerberg há um bom tempo.

Chamadas de “reactions”, as alternativas criadas pelo Facebook, já estavam em testes em alguns países há alguns meses e agora finalmente todo mundo terá acesso a elas. Assista acima ao vídeo das novas reações funcionando.

São 5 reações e cada uma representada por um sentimento e um emoji: Love, Haha, Wow, Sad e Angry, além do botão de like (curtir).

É preciso tocar e segurar o botão de curtir, para as opções serem exibidas (em aplicativos móveis) ou passar o mouse sobre o botão (na versão desktop do Facebook).

São esperadas reações com o mesmo impacto do botão de curtir, embora nos insights da página eles sejam mostrados de forma separada. Claro que isso vai favorecer as marcas a melhor entenderem como seu público está reagindo ao conteúdo, segundo informou o Facebook.

Como todas as novidades que o Facebook lança, esta também está sendo liberada aos poucos para todo mundo.

Via LabCriativo

A Sopa de Ideias está de cara nova!

Após 6 anos a Sopa de Ideias renova sua marca.

Em comemoração ao bom momento e sucesso dos 6 anos de Sopa de Ideias, decidimos modernizar a nossa marca (finalmente) ;-)

A nova marca é uma evolução daquela que durou 6 bons anos, só que muito mais moderna. Preservamos os principais elementos que compõem a identidade da marca, que são os símbolos das engrenagens e da gota.

Sobre a Simbologia:

As engrenagens representam a sinergia entre cliente e agência, que se completam. Temos em mente que um bom trabalho só é concluído com sucesso quando realizado a 4 mãos: as nossas e as do cliente.

A gota representa a “Sopa”, onde ideias e criatividade se misturam para encontrar o sabor e aroma perfeito para nossas criações.

Imagem-1

Novo posicionamento

A Sopa de Ideias traz com a nova marca um reforço em seu posicionamento perante ao cliente, de trazer soluções inovadoras, que gerem resultados reais.

Quem pensa igual, cria coisas iguais, e coisas iguais não se destacam!

O novo website

Para comemorar a nossa nova marca, lançamos o novo website da Sopa de Ideias, muito mais pessoal e com novos clientes no portfólio!

Ainda não viu?

Acesse: www.sopadeideias.com.br

Celso Loducca deixa agência que fundou

O presidente Celso Loducca anunciou nesta quarta-feira 19 seu desligamento das funções executivas na Loducca e encerra um processo de sucessão que vinha sendo conduzido há alguns anos.

celso loducca_500

O vice-presidente de criação Guga Ketzer assume a presidência da agência, função para a qual estava sendo preparado.

As negociações para a venda de ações de Celso Loducca para o Grupo ABC, que já era sócio majoritário da agência, foram intensas e até a noite desta terça-feira 18, havia alguns pontos indefinidos. O publicitário tinha 23% do negócio. O ABC, 51%.

Um dos pontos em discussão era a participação que caberia aos sócios minoritários. Além de Ketzer, os executivos André Paes de Barros (vice-presidente de operações) e Daniel Chalfon (mídia) possuem 5% de participação. Ken Fujioka (planejamento) tem 1,5%.

Vale lembrar que a rede DDB, do grupo Omnicom, tem participação em agências do grupo ABC, inclusive na Loducca, com 8,74% das ações, além de 60% na DM9DDB (onde o ABC tem 40%) e 15% na Africa.

Da Stardard à agência própria

Celso Loducca iniciou sua carreira como redator da Standard, atual Ogilvy. Passou por agências como Y&R, Talent, W/Brasil e FCB.

Em 1995, fundou a então Lowe Loducca, parceria com a rede Lowe que durou até 2004. Naquele ano, a agência passou a se chamar Loducca 22 e tinha como sócios Tomás Lorente, falecido em 2008, André Paes de Barros, até hoje no negócio, e João Muniz (hoje na Lov, que na época, fazia parte da Loducca, como Loducca Virtual. A empresa faz parte do grupo Dentsu Aegis).

Em 2008, o Grupo ABC ampliou sua participação na Loducca de 20% para 51% – o investimento visava uma possível abertura de capital da holding brasileira, que só poderia consolidar os lucros da agência em seu balanço se fosse majoritária.

Na ocasião, Celso Loducca emitiu um comunicado dizendo que “assumir o controle” é um termo técnico que significa ter mais que 50% de ações, mas que não implicava na mudança de gestão e cultura. A mesma questão gerou incômodo recentemente no publicitário enquanto discutia a venda de suas ações para o ABC.

Em 2009, a agência foi protagonista de uma movimentação do ABC e se tornou Loducca.MPM, após a fusão com a MPM. A agência foi fundada em 2003 com o nome icônico da antiga MPM (mas sem qualquer relação além da marca) e sob a liderança de Bia Aydar, que deixou o negócio com a movimentação do ABC. Pouco tempo depois, a Loducca voltou com o nome solo.

Em 2011, a agência contratou Ken Fujioka, até então head de planejamento e estratégia digital da JWT, e Celso Loducca completou, enfim, sua linha de frente sucessória, também com Paes de Barros, Chalfon e Ketzer.

Apesar de emprestar o sobrenome à agência, Celso garante que nunca desejou “ter o nome na porta” – o pedido teria sido da Lowe, em 1995. Em sua carreira, Loducca recebeu diversos prêmios na área, dentre eles, o Caboré de Empresário da Indústria da Comunicação, em 2013, consolidando sua carreira. Paralelamente à publicidade, é sócio da Casa do Saber.

Via Meio e Mensagem